imagem da noticia
camera

Reprodução

PUBLICIDADE

seta amarela

Política

Presidente da Câmara manda pedido de cassação do Deputado Federal Glauber Braga ao Conselho de Ética

Deputado do Psol expulsou integrante do MBL da Câmara com chute e empurrões.

Redação Pedra Azul News

24/04/2024 - 00:00:00 | Atualizada em 24/04/2024 - 18:14:39

camera

Reprodução

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), direcionou nesta segunda-feira (22/04) o pedido de cassação do mandato do deputado Glauber Braga (Psol-RJ) ao Conselho de Ética da Casa Baixa. O requerimento foi apresentado pelo partido Novo após um episódio de confronto envolvendo o parlamentar do Psol e um militante do MBL nos corredores da Câmara em 17 de abril. Na ocasião, Braga expulsou Gabriel Costenaro do local usando chutes e pontapés.

Em sua conta em uma rede social, Braga afirmou que este foi o quinto incidente em que Costenaro "provoca" membros do Psol e que não tolerará "intimidação de militante fascista do MBL". Por outro lado, integrantes do movimento alegaram que a provocação partiu de Braga. Ambos foram encaminhados à delegacia após o ocorrido. No local, o deputado federal Kim Kataguiri (União Brasil-SP), aliado de Costenaro, afirmou ter sido agredido e ameaçado por Braga, que o chamou de "nazista". "É absolutamente inconcebível ele continuar como membro do parlamento brasileiro", enfatizou Kataguiri.

Após o incidente, o deputado governista reiterou que não se arrepende de suas ações. "Nós não podemos aceitar esse tipo de intimidação de militante fascista do MBL. Não vamos aceitar. Eles tentam nos intimidar, tentam, através do medo, fazer com que a gente recue. Nós não vamos recuar para militante fascista nem do MBL, nem de organização nenhuma. Não me arrependo do que eu fiz", declarou. O pedido de cassação por quebra de decoro parlamentar foi protocolado pela diretoria do Partido Novo.

Este é o quinto processo contra Glauber Braga no Conselho de Ética. O parlamentar do Psol já enfrentou processos no conselho envolvendo o deputado Eduardo Bolsonaro (PL-SP), Marcel Van Hattem (Novo-RS) e o próprio presidente da Câmara, Arthur Lira. Todos os cinco pedidos estão em andamento, sendo que três deles já receberam parecer preliminar de arquivamento por parte de seus relatores.

Presidente da Câmara manda pedido de cassação do Deputado Federal Glauber Braga ao Conselho de Ética
.