imagem da noticia
camera

Reprodução

seta amarela

Política

“O Messias do Apocalipse”: Vídeo publicado pela CUT é retirado do ar por determinação do TSE

A ministra entendeu que houve propaganda eleitoral irregular.

Redação Pedra Azul News

25/08/2022 - 00:00:00 | Atualizada em 25/08/2022 - 10:48:17

camera

Reprodução

Um vídeo publicado pela Central Única do Trabalhadores (CUT), “O Messias do Apocalipse”, foi retirado do ar por determinação da ministra Maria Claudia Bucchianeri, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O vídeo trazia declarações do presidente Jair Bolsonaro durante a pandemia com imagens dos momentos mais críticos vividos pelos brasileiros naquele momento, como covas abertas, hospitais lotados, entre outros.

A ministra considerou como propaganda eleitoral irregular e deu 24 horas para que o YouTube removesse o vídeo. A decisão, do último dia 23, atende a um pedido da Coligação Pelo Bem do Brasil, composta pelo Partido Progressistas (PP), Republicanos e pelo Partido Liberal (PL).

Na decisão, a ministra entendeu como plausível o pedido da Coligação. "A CUT é uma entidade associativa de representação sindical, voltada à defesa dos trabalhadores, e a sua natureza é de pessoa jurídica sem fins lucrativos. Assim, é necessário reconhecer o seu impedimento legal na promoção de qualquer tipo de propaganda eleitoral na Internet, considerando-se, inclusive, a possível ilegalidade com o dispêndio de recursos financeiros para produção de material publicitário direcionado a campanha política”.

A CUT tem dois dias para apresentar defesa e o Ministério Público Eleitoral também vai se manifestar sobre o caso