imagem da noticia
camera

Marcos Oliveira/Agência Senado

PUBLICIDADE

seta amarela

Política

Mês de 3 semanas e semana de 3 dias? No Senado tem

Apesar das mudanças, Senado diz que jornada continua a mesma.

Redação Pedra Azul News

04/03/2023 - 00:00:00 | Atualizada em 04/03/2023 - 12:57:53

camera

Marcos Oliveira/Agência Senado

O Senado oficializou, na terça-feira (28), a semana de três dias para as atividades da Casa.

A mudança faz com que só sejam votados projetos às terças, quartas e quintas-feiras , além do expediente que começará à tarde, às 14 horas.

Não haverá sessões deliberativas na segunda e na sexta-feira. Além disso, a ausência dos parlamentares não será considerada falta.

A mudança não fica restrita apenas aos dias da semana. O mês também está diferente no Senado. Com apenas três semanas, a última semana do mês poderá ser de trabalho remoto, desde que "a pauta seja tranquila".

O salário dos senadores é R$ 39,2 mil, mas o valor irá para R$ 41,6 mil a partir de abril, com o reajuste votado no ano passado.

O Senado explicou a decisão dizendo que não houve mudança no Regimento Interno do Senado e que a decisão permite ao presidente da Casa, Rodrigo Pacheco, determinar o uso de videoconferência pelos parlamentares quando necessário e nas sessões especiais ou temáticas.

Lembrando que, em um mês com apenas três semanas e a semana com 3 dias, um senador só trabalhará 9 dias no mês, um inaceitável constraste com a dura rotina da grande maioria dos trabalhadores brasileiros.