imagem da noticia
camera

Reprodução

seta amarela

Polícia

Mãe e Filhos mantidos em cárcere privado por 17 anos ficavam até três dias sem comer

Mãe e jovens sofriam violência física e psicológica.

Redação Pedra Azul News

29/07/2022 - 00:00:00 | Atualizada em 30/07/2022 - 13:36:55

camera

Reprodução

Ontem (28), um homem foi preso após uma denúncia anônima por manter a própria família em cárcere privado por 17 anos.

De acordo com os policiais que atenderam a ocorrência, uma mulher e seus dois filhos foram encontrados subnutridos e definiram a cena como "estarrecedora". Os dois jovens, de 19 e 22 anos, estavam sujos e amarrados. Apesar da idade, os dois aparentam, devido à desnutrição, ter idade de crianças.

A mulher disse para a polícia que nunca pôde trabalhar ou sair de casa e que as crianças nunca frequentaram a escola, pois eram impedidos pelo marido, Luiz Antônio Santos Silva.

Vizinhos relataram que Luiz Antônio colocava uma música muito alta com intuito de abafar os pedidos de socorro. Além disso, jogava fora a comida, até mesmo doada, para que a mulher e os filhos não comessem.

Apesar de ter 22 anos, a menina foi socorrida no colo da mãe como se fosse uma criança. Os três estão com quadro de desnutrição grave. Testemunhas disseram que o caso já havia sido denunciado, mas não houve retorno do Poder Público.

Luiz Antônio foi preso e vai responder por sequestro ou cárcere privado, vias de fato, maus tratos e tortura.